Páginas

23 de outubro de 2013

Eu sempre gostei de Super-Heróis!

Desde criança sempre gostei de criar histórias de aventuras e me imaginar como um Super-Herói. Gostava de ver os desenhos animados na TV e depois brincar com meu irmão ou com os amigos. A ideia de ser fortão, poder voar e ter raios nos olhos me atraía.

Me lembro da "Liga da Justiça", um lugar onde todos os grandes Super-Heróis juntavam suas habilidades e poderes para combater o mal. Aliás, nunca conheci algum Super-Herói sem poderes, fraco ou sofredor.

Estava pensando em Jesus como um tipo de Super-Herói; afinal ele veio para nos resgatar do poder do diabo, o inimigo de Deus e também nos salvar do inferno, que é um lugar terrível. Isso não é para qualquer Super-Herói!

Além disso, a Bíblia relata que Jesus fez várias coisas incríveis como andar sobre as águas, acalmar o mar revolto, expulsar espíritos malignos, dar vista aos cegos, curar paralíticos, multiplicar pães e peixes! Você já conheceu algum Super-Herói tão bom assim? E veja, apesar de Jesus ser Filho de Deus, era um homem pobre e não contava com recursos e a tecnologia que temos hoje.

Mas, como pode alguém tão bom e tão poderoso passar privações aqui na Terra, ser humilhado e sofrer publicamente, ser esbofeteado e cuspido, sem reclamar e por fim, morrer de uma forma tão vergonhosa como na cruz?

Será que Jesus tinha algum ponto fraco que o fez perder seus poderes como a Criptonita fazia com o Super-Homem? Creio que não. Ele mesmo disse: "todo o poder me foi dado nos céus e na terra." (Mateus 28:18). Outra afirmação de Jesus que nos convence que Ele mesmo se deixou sofrer "Convém que o Filho do homem seja entregue nas mãos de homens pecadores, e seja crucificado, e ao terceiro dia ressuscite." (Lucas 24:7).

Mas afinal, por que Jesus precisou sofrer? Sendo Ele Filho de Deus, não poderia ter transmitido a mesma mensagem e ter subido aos Céus, sem ter que passar pelo sofrimento, morte e ressurreição? Ora, o profeta Elias e Enoque andaram com Deus e foram arrebatados, sem passar pela morte. Se quiser conhecer um pouco mais sobre o amor e a justiça de Deus, seguiremos juntos neste estudo.

Continuação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! Aqui é o seu espaço para comentar